sábado, 28 de setembro de 2013

Anotações que eu achei por aí

Hoje eu desenhei um coração no cantinho da folha e me dei conta de que não faço isso há anos.
Não saltito mais por aí, as pessoas não entendem. Nem corro para o banco alto no ônibus porque fica longe do motorista e do cobrador e, depois de algumas tentativas de assalto na vida, aprendi a me contentar com sentar na frente e no corredor, desviando das bolsadas.
Dizem que quando a gente cresce, fica medroso.
Aprendi a engolir sapos e estou agora aprendendo a dizer não a eles.
Depois de grande, aprendi a ser criança. Acho que agora estou aprendendo a crescer.

Um comentário:

  1. Ei, pode crescer, mas não pode deixar de saltitar por aí!!!!
    Eu saltito até no deserto... Beijos linda

    ResponderExcluir