domingo, 15 de janeiro de 2012

Sobre sonhos e fuga

Durante anos e ela sonhou com um mundo que não era o seu. Vivia aventuras imaginárias e era feliz daquele jeito distraído e bobo.
Quando, de uma hora para outra, sua vida passou a ser mais interessante do que aquelas fantasias a transportavam daquele mundo e aliviavam a carga do dia-a-dia.
E, de repente, reparou o quanto estava perdendo da vida criando fantasias e expectativas.
Achou difícil se policiar para não fantasiar seu mundo com tanta freqüência, mas tudo era mais fácil porque as coisas finalmente estavam dando certo.
Isso não significa que os próximos passos seriam fáceis, apenas que seriam possíveis.
Eram desafios e mais desafios que estava encarando agora.
Juntou suas forças e foi mais fácil abrir um sorriso.
Ela estava feliz.
Sua vida não estava completa e nem era perfeita.
Mas felicidade não tem nada a ver com perfeição mesmo.

Como é boa a sensação de começar o ano sabendo que tudo está dando mais certo do que antes.

Um comentário:

  1. Lindinha, não sei dizer o que eu mais gostei neste post!

    "Quando, de uma hora para outra, sua vida passou a ser mais interessante do que aquelas fantasias"

    "Isso não significa que os próximos passos seriam fáceis, apenas que seriam possíveis"

    "Sua vida não estava completa e nem era perfeita. Mas felicidade não tem nada a ver com perfeição mesmo"

    Valeu a pena ter esperado quase 3 meses por um post!
    Pra mim, cada ano da nossa vida é melhor que o anterior, desafios são sempre bem-vindos e felicidade também.
    Ótimo saber que o ano está começando bem!

    ResponderExcluir