quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Recomeço

Última postagem do ano.
Certa vez li um texto que falava da genialidade de quem inventou a contagem do tempo que possibilita eternos fins e recomeços. E em todo recomeço, renova-se a esperança humana.

E as promessas de fim de ano são para isso também. São uma possiblidade de concretizar os sonhos. Uma forma de não esquecê-los.


Meus objetivos no ano que vem não são inéditos. São os mesmos dos outros anos. Meus sonhos não mudaram tanto assim. Mas o tempo é outro. A cabeça é outra. E quem sabe neste ano as promessas não deixam de ser promessas? E então não vou precisar repeti-las nos próximos anos.
É um novo tempo.
Tempo de esperanças renovadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário